Eu gosto de ser mulher – Maurício Kiffer. - Artistas do Brasil

Eu gosto de ser mulher – Maurício Kiffer.


Eu gosto de ser mulher – Maurício Kiffer.

Técnica de colagem mista em papel.

Maurício Kiffer, artista plástico, trabalha com técnicas de colagem em diversos materiais.
Formado em design de interiores, com Pós-graduação em história da arte, há mais de 25 anos encanta os apreciadores de arte em geral e da sua em particular, com seu talento e inovação.

Maurício se considera um  artista “prático” (termo usado por um de seus mestres, o Pojucan) para dar vida e criar suas obras.
Com muitas cores, texturas e formatos dos mais variados e inusitados, consegue transformar o que toca (recorta e cola) em arte.
São tantas as misturas de texturas em seu trabalho, que o momento do “parar” é intuitivo, sempre em processo de mudança.
Suas colagens são tão cheias de detalhes que vale a pena “entrar realmente” dentro de cada universo único e particular de cada trabalho.
De talento único, sua marca é a ousadia, pois o que lhe for entregue, transforma em arte.
Já tendo realizado diversas exposições, tanto coletivas quanto individuais, como segue listado abaixo:

*A caminho da Babel -coletiva- Cúpula do Caminho Niemeyer, Niterói, RJ – nov/dez 2019;

*Muvucato -coletiva- Galeria OLugar, Fábrica Bhering, RJ – nov/dez 2019;

*Pictoricidades 2 -coletiva- Canto da Carambola – Rua do Oriente, nº 123, Sta. Teresa, RJ – set/out/nov 2019;

*Casa da Flor – Semana dos Museus -coletiva, com Itamar Barolli- Museu do Artesanato do Rio de Janeiro, Casa Cocco Barçante, Petrópolis, RJ – set/out ;

*TRINCA -coletiva- Galeria Casa do Paulo Branquinho, Rua Moraes e Vale, nº 8, Lapa, RJ – set/out 2019;

*12 Releituras de Artistas Brasileiros -individual- Biblioteca Parque de Niterói, RJ – jan/fev/mar 2019;

*Relicário de Afetos -individual – Canto da Carambola – Rua do Oriente, nº 123, Santa Teresa, RJ – set/out 2018;

*Pictoricidades -coletiva- Centro Cultural da UFSJ – Casa da Baronesa, São João del Rei, MG – ago/set 2018;

*A cara do Rio -coletiva- Centro Cultural dos Correios, Rio de Janeiro – mar/abr 2018;

*O pau na mesa – Conexão Rio -coletiva- Fábrica Bhering, Rio de Janeiro – novembro 2017;

*A Casa Criativa -coletiva- 21º Circuito das Artes do Jardim Botânico, Rio de Janeiro – agosto 2017;

*Café-Cola – Mon Petit Galerie -individual- Hosken Barista, Niterói – RJ – out 2016/março 2017;

*Colagens – Galerie De Stoker -individual- Amsterdam, Netherland – Mai/Jun 2016;

*Rio Je T’Aime – São Conrado Fashion Mall – nov 2016;

*Galerias do Instituto Cultural Germânico (Niterói e Tijuca);

“O farelo da Esfera” – 2014;

“Para ver as meninas” – 2014;

“Os nossos amigos são obras de Arte / Unsere Freunde sind Kunstwerke” – c/ Itamar Barolli – 2013;

*Exposição “Fez-se ARTE” – Centro Cultural “Abrigo de Bondes” – c/ Gabriel Martire – Março/Abril 2014;

*Sala Hilda Campofitorito, CCPCM – COLETIVA “Dª Maria Vital do Paschoal”, curador/expositor – Fev/Mar 2014;

*MAC – OLHAR 2003 – coletiva – Museu de Arte Contemporânea de Niterói- 2003;

*Curando Desirée Monjardim – Galeria José Cândido de Carvalho – FAN – 2008/2014;

*Solar do Jambeiro – Niterói – 2008;

*Projeto ‘Favela Kit’ em parceria com Itamar Oliveira -MKIO- lembranças do Rio de Janeiro, c/ material reciclado;

*Projeto ‘Souvenir Niterói’ e ‘Souvenir Carioca’ – SEBRAE – 2008 a 2011;

*SESC’s de Campos, Barra Mansa, Nova Iguaçu, São Gonçalo, Niterói – 1992 a 2011;

*Pódios para Festival da Organização / LEROY Merlin – Niterói {Sala Clássica, Quarto Infantil, Cozinha – 2011;

*Conjunto Cultural da Caixa – Shopping Rio-Sul – 1994;

*CCPCM – Centro Cultural Paschoal Carlos Magno, em Niterói – Cartas do Tarô – colagens em papel – 1993;

*Circuito SINGULAR – primeiras exposições individual e coletiva – 1992.

Compartilhe!